Processando...

Como a Inteligência Artificial pode mudar o mundo dos negócios?

Máquinas Preditivas nos mostra por que a Inteligência Artificial pode ser decisiva para o sucesso ou o fracasso de sua empresa.
Alta Books 08/01/2019
Por Adriano Barros - Assistente Editorial. 
 
 
Os economistas Ajay Agrawal, Joshua Gans e Avi Goldfarb, depois de anos de pesquisa, partem do advento da internet, que foi a última grande revolução tecnológica, para explicar por que a Inteligência Artificial é fundamental para tomar decisões no mundo dos negócios. E vão além: explicam por que a nova onda de Inteligência Artificial não traz a inteligência como foco principal, mas sim, a predição.
 
O livro Máquinas Preditivas mostra como a Inteligência Artificial, no contexto econômico, é responsável por fornecer condições para melhores tomadas de decisão. Portanto, quanto mais um negócio conseguir prever com precisão, maiores são suas chances de obter lucro.
 
Os autores nos mostram que, quando o preço de um produto cai, mais pessoas o usam. Sendo assim, o seu mercado de consumidores se amplifica. No caso da luz elétrica, por exemplo, o economista William Nordhaus fez uma estimativa de que no início do século XIX, seria 400 vezes mais cara do que é hoje, tornando-se algo impossível de ser universalizado. Neste contexto, prever qual produto cairá de preço é fundamental para a economia e para traçar novas estratégias de ação.
 
O que as novas tecnologias IA tornarão tão barato? A predição. Portanto, como a economia nos diz, não só vamos começar a usar muito mais predição, mas vamos vê-la emergir em lugares surpreendentes. A predição é o processo de preenchimento de informações ausentes. A predição usa as informações disponíveis, geralmente chamadas de “dados”, e as usa para gerar informações que você não tem.
Dentre outros problemas, a predição está melhorando o desempenho de áreas como: detecção de fraudes, tradução, planos de saúde e gerenciamento de estoque.
 
 
Para saber mais sobre Inteligência Artificial e predição, não deixe de conferir Máquinas Preditivas