O seu portal de conhecimento
Telefone (21) 3278-8069

O Caótico Século XXI

O século XXI foi procedido pela crise da modernidade, do socialismo e pela emergência do novo liberalismo.

Autor: Paulo Fagundes Visentini
Historiador e Professor Titular de Relações Internacionais

“O universo eletrônico desmantelou toda a estrutura que havia antes dele, sem substituí-la por qualquer coisa. — T. B. Burnett

R$58.00

Em estoque

ISBN: 978-85-7608-941-4 Categorias: , Product ID: 2935

Descrição

Era a Nova Ordem Mundial, com integração global e inovação tecnológica acelerada.

Um planeta conectado online via internet, onde o mercado e as grandes corporações econômicas parecem substituir o Estado-nação. O que se viu, na verdade, foi a eleição contestada de George W. Bush e os atentados de 11 de setembro de 2001, que envolveram os EUA em uma guerra sem fim ao terrorismo. Já a Europa parece imobilizada entre dois tempos e dois mundos, atingida pela crise paralela ao ressurgimento da Rússia e a formação do espaço eurasiano. Enquanto ocorre a ascensão da China e da Ásia, Oriente Médio, África e América Latina se tornam áreas em disputa entre potências antigas e emergentes. Com urbanização desordenada, criminalidade, fundamentalismos, terrorismo, crise ambiental e climática e retorno das tensões internacionais, o século parece caótico.


O século XXI deveria ser a era da integração global e da inovação tecnológica permanente e acelerada. Mas, após uma década de políticas neoliberais, o século se iniciou com os atentados de 11 de Setembro e a prolongada Guerra ao Terrorismo. O mundo segue se integrando, com tecnologias que avançam compulsivamente, mas os controles crescem. A guerra convencional mudou de natureza, agora empregando aliados locais, milícias e/ou companhias privadas de segurança.


A Europa vive a crise do Euro, de sua geopolítica e do modelo social. Já as economias das grandes democracias do Atlântico Norte e do Japão amargam ciclos recessivos, enquanto os BRICS emergem. A Rússia cambaleante de Ieltsin — dos anos 1990 — deu lugar à assertiva e desafiante de Putin. O terrorismo se espalhou para regiões mais débeis, fragmentando Estados. E as grandes potências — velhas e novas — parecem viver de ações de curto prazo, sem uma perspectiva estratégica claramente definida. O caos urbano cresce aceleradamente. Seria tentador afirmar que as promessas do século XXI estão sendo frustradas, dando lugar a um cenário catastrófico. Mas a alfabetização, digitalização e inclusão social são fenômenos universais inegáveis. A tese do empobrecimento generalizado não se cumpriu.

Informação adicional

Peso 250 g
Dimensões 21 × 14 × 2 cm
ISBN

978-85-7608-941-4

Número de Páginas

192

Ano

2015

Edição

1° Edição

Disponível em ePub?

Sim. Nos parceiros comerciais

Capítulo de Amostra

Download

Preview do livro


Autor:

Paulo Fagundes Visentini

Sobre o Autor:

Paulo Faundes Visentini – Professor Titular de Relações Internacionais da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Pós-doutorado em Relações Internacionais pela London School of Economics (1997), Doutor em História Econômica pela Universidade de São Paulo (1993), Mestre em Ciência Política pela UFRGS (1983), Bacharel e Licenciado em História pela UFRGS (1980). Coordenador do Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais FCE/UFRGS (2010 aos dias de hoje). Diretor do Instituto Latino-Americano de Estudos Avançados da UFRGS (1998-2002) e Secretário de Relações Internacionais da Reitoria da UFRGS (2004-2008). Professor Visitante no NUPRI/USP, na Universidade de Leiden e Pesquisador no International Institute for Asian Studies e no Centro de Estudos Africanos (Leiden Univ, Holanda). Pesquisador do Núcleo Brasileiro de Estratégia e Relações Internacionais/NERINT e Coordenador do Centro Brasileiro de Estudos Africanos – CEBRAFRICA. Editor de AUSTRAL: Revista Brasileira de Estratégia e Relações Internacionais. Especialidade: História Mundial Contemporânea, Relações Internacionais Contemporâneas e Política Externa Brasileira. Autor de inúmeras obras sobre relações internacionais, história e estudos internacionais contemporêneos.

Você também pode gostar de…